Nos últimos tempos, muitas pessoas começaram a falar sobre a importância de se ter inteligência positiva para avançar na vida.

Contudo, você sabe dizer do que se trata esse conceito? Podemos dizer então que essa inteligência diz respeito a forma como pensamos.

Ou seja, ao nosso mindset ou mentalidade em português, algo muito importante para nosso desenvolvimento tanto pessoal, quanto profissional.

Já pensou em como seria bom poder ter um maior controle sobre a forma como seu cérebro funciona? Então, continue lendo este artigo e descubra como!

O Que É Inteligência Positiva?

O conceito de inteligência positiva, diz respeito a uma capacidade individual na qual, você passa a utilizar o cérebro de outra forma.

Assim sendo, de maneira positiva de modo a favorecer o bem-estar e a felicidade. Bem como, para auxiliar você na:

  • Gestão de emoções e sentimentos;
  • Conquista de metas, objetivos, sonhos, etc.

Podemos dizer que é uma forma de se relacionar melhor com esse órgão que é o responsável por controlar diversas funcionalidades do corpo.

Isso porque nossa mente pode funcionar de duas simples formas. Uma positiva através da qual conseguimos melhorar a qualidade de vida.

Enquanto outra negativa que influência de forma prejudicial nossas atitudes, comportamentos, decisões e muito mais.

Mas, se você acha que ela age de uma forma ou de outra está enganado. Nosso cérebro pode ser tanto nosso amigo, quanto inimigo.

Tudo isso depende apenas de cada situação em que nos encontramos ou da forma como estimulamos ele conscientemente.

Reflita sobre seus hábitos que acontecem no automático. Você diria que eles têm sido positivos ou negativos?

Quando possuímos uma inteligência positiva desenvolvida, nossa mente busca trabalhar em benefício próprio, o que nos ajuda a:

  • Reduzir e controlar o estresse;
  • Elevar a autoconfiança e autoestima;
  • Gerenciar sentimentos e emoções;
  • Força para superar desafios;
  • Destruir nossas crenças limitantes.

Inteligência Positiva, Como Desenvolvê-la?

Agora que você já sabe o que significa essa inteligência, devemos buscar o seu desenvolvimento, certo?

Desse modo, para adquiri-la é importante investir no autoconhecimento. Pois, através deles conseguimos conhecer nossos sabotadores.

São características internas que compõem nossa personalidade e cada pessoa possui determinada predominância entre eles.

  • Controlador: seja as ações alheias ou próprias, ele sente necessidade de controlar as coisas e se torna impaciente.
  • Crítico: afeta as pessoas ao seu redor apontando defeitos.
  • Esquivo: evita conflitos acima de tudo, se concentrando apenas em coisas prazerosas e positivas.
  • Hiper-racional: nunca pensam de forma emotiva e comumente se tornam arrogantes e frias.
  • Hiper-realizador: só consegue se sentir validado e merecedor através de constantes realizações.
  • Hipervigilante: sofre com intensa ansiedade, pois, está sempre alerto aos riscos.
  • Inquieto: é aquele que deseja sentir mais em tudo que realizar, quer uma vida intensa.
  • Insistente: se frustra por sua obsessão com a perfeição e organização, são metódicos.
  • Prestativo: torna as pessoas dependentes de aceitação e elogias em troca da ajuda oferecida.
  • Vítima: é emotivo e temperamental que chama atenção para receber afeto.

Conclusão

Portanto, para desenvolver nossa inteligência positiva e usá-la para melhorar a qualidade de vida.

Bem como, para alcançar objetivos e a autorrealização. É importante identificar e combater nossos sabotadores.

Ainda possui alguma dúvida sobre este assunto? Deixe-a nos comentários que iremos esclarecer a você!